Resenha: O último dos canalhas, por Loretta Chase

19.1.16

Título: O último dos canalhas
Autor (a): Loretta Chase
Editora: Arqueiro
Páginas: 298
Gênero: Romance de época
ISBN: 9788580414752
 O devasso Vere Mallory, duque de Ainswood, está pronto para sua próxima conquista e já escolheu o alvo: a jornalista Lydia Grenville. Só que desta vez, além de seduzir uma bela mulher, ele deseja também se vingar dela. Ao se envolver numa discussão numa taverna, Vere foi nocauteado por Lydia e se tornou alvo de chacota de toda a sociedade. Agora ele quer dar o troco manchando a reputação da moça. Mas Lydia não está interessada em romance, principalmente com um homem pervertido feito Mallory. Em seus artigos, ela ataca nobres insensatos como ele, a quem considera a principal causa dos problemas sociais. Nesse duelo de vontades, Vere e Lydia se esforçam para provocar a derrota mais humilhante ao mesmo tempo que lutam contra a atração que o adversário lhe desperta. E, nessa divertida batalha de sedução e malícia, resta saber quem será o primeiro a ceder à tentação.
 O último dos canalhas escrito pela Loretta Chase irá nos apresentar a história de Lydia, uma jornalista da época que em determinada situação tem seu caminho cruzado com o brutamontes Vere Malorry, marques de Ainswood. Vere é um homem que procura problemas, e mesmo quando ele não procura os problemas vem até ele, e para ele Lydia se tornara o problema mais intrigante que ele já teve o prazer de conhecer, e como já se é esperado ele não fugirá do desafio, ainda mais depois de ela desafia-lo e vencer um conflito no meio de várias pessoas. Com o passar do tempo o caminho deles passará a se cruzar cada vez mais, até que eles se veja completamente apaixonados e presos a uma situação que eles só podem sair se se ajudarem. 
 Se eu tivesse que dizer o que eu senti sobre esse livro eu só usaria quatro palavras: poderia ter sido melhor. Quando eu li O principe dos canalhas também da Loretta eu me apaixonei completamente por sua escrita e pelos seus personagens. Já neste livro a única coisa que eu consegui gostar foi uma personagem, que por mim fez o livro valer a pena, que é a minha querida Lydia.

 Sei que muita gente vai gostar desse livro e não vai entender o porque de eu não ter gostado tanto. A única justificativa é o Vere. O Vere é simplesmente o personagem mais machista que eu já tive o desgosto de conhecer. E o que mais me deixou com raiva é que a Lydia é uma personagem com conceitos completamente contrário, eu até a chamaria de feminista, mas mesmo assim ela decide ficar com ele. Sério, isso não entrou na minha cabeça. Ela passou o livro todo vendo como ele tratava as mulheres, como ele as desprezava, e mesmo assim ela não pode resistir a ele.
Há muita gente desse tipo em Londres.Desperdiçando dinheiro em Bíblias e panfletos, quando o que as pessoas precisam mesmo é de um trabalho, de um teto sobre a cabeça e comida na mesa.
 Quando eu comecei a ler o livro e eu percebi os conceitos do Vere eu já não gostei dele, e a partir dai eu fui gostando cada vez menos tanto dele quanto da história. A questão é que a autora queria mostrar como ele mudou depois de conhecer seu grande amor, mas a verdade é que se pararmos para analisar veremos que ele só passou a respeitar a Lydia, e não as outras mulheres. Ai eu te pergunta: do que isso adianta?

 Outra coisa que me incomodou bastante nesse livro foi o tanto de nomes designados a somente uma pessoa. Eu sei que na época algumas pessoas chamavam pelo nome, outras pelo sobrenome e outras pelo nome de bens, mas aqui é realmente algo excessivo, tinha momentos na história que eu passava achando que tinha dois personagens diferentes na mesma cena quando de repente eu descobria que na verdade era só uma pessoa que estava sendo chamada por dois nomes diferentes e ai eu tinha que reler o dialogo todo de novo para conseguir compreender. 
[...] é mais fácil ser boa quando ninguém promete dinheiro para a gente ser má.
 Tirando essas partes o livro ainda tem algumas coisas boas, como por exemplo a Lydia, que apesar de me irritar com essa questão do Vere, me agradou demais, e se mostrou uma das melhores protagonistas que eu já tive o prazer de conhecer. E também tem sua amiga Tamsin, uma doçura de pessoa que me agradou bastante.

 Nesse livro nós iremos rever os protagonistas de O príncipe dos Canalhas, pois os personagens das duas histórias tem uma grande ligação, que no fim do livro acaba se mostrando um plot twist que até me deixou surpreso mas que para mim não fez grande diferença na história em um geral. E a aparição desses personagens foi outra coisa que eu não curti muito, pois antes eu amava o Dain, e nesse livro ele só se mostrou um personagem chato querendo ser irônico e usar humor negro a todo momento para chamar atenção. Sem falar nas cenas que ele aparecia só para agregar falar desnecessárias no meio das conversas. 
Por que as mulheres devem ser demonizadas por algo que os homens fazem impunemente?
 A única parte do livro que me agradou de verdade foi o final, onde temos uma cena de ação que eu achei incrível, simples mas bem desenvolvida. Assim como a vilã da história, que conseguiu trazer conflitos legais para a trama e fazer com que essa cena de ação viesse a acontecer. 

 No geral não é um livro que eu não recomendaria, pelo contrário, eu quero que vocês leiam para que possamos debater nossas opiniões e para que eu possa ver outros pontos de vista. Eu infelizmente não gostei muito do livro, mas sei que muitos de vocês podem gostar, pois apesar de tudo é um livro engraçado e com cenas muito bem desenvolvidas, sem falar uma personagem incrível. Um livro que não funcionou para mim mas pode funcionar para você.

Também poderá gostar de

14 comentários

  1. Já conhecia o livro, porém ainda não o li, pois não curti muito ele.

    Frases, Trechos e Pensamentos

    ResponderExcluir
  2. Esta é uma leitura que, como à você, também não me agradaria.
    Romances de época não me chamam muito a atenção. Mas é um prato cheio para quem gosta do gênero, não é?

    Beijinhos...
    http://estantedalullys.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Gustavo
    Ainda nao li o livro anterior, mas acredito que seja melhor que este.
    Nossa, personagens machista não cola. Que pena que o livro te decepcionou um pouco.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?
    Eu gostei do livro e a Lydia é uma das melhores personagens que conheci também. Uma pena que o livro te desagradou.
    Bjs

    http://a-libri.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ouço falar sobre esse livro desde que tinha blog literário. Gostei da resenha e estou ainda mais ansiosa! Beijos e sucesso, o blog é lindo.

    Carolina Gama

    ResponderExcluir
  6. Poxa, chato quando o último livro não agrada. Passei isso com a Trilogia das Irmãs Bruxas, achei o último livro bem fraco.

    ResponderExcluir
  7. Oie tudo bem? Você é a primeira pessoa que eu vejo não gostar desse livro, eu já não tinha interesse de ler, agora então muito menos. Obrigada pela dica e resenha sincera.

    ResponderExcluir
  8. Oie,

    Sério que o livro não foi tudo isso? Poxa eu quero muito ler ele. Mas primeiro prentendo ler O Príncipe. Mas vejo tantas pessoas falando bem do livro, só irei saber se vou gostar ou não do livro quando lê-lo.

    Bjs
    Mayla

    ResponderExcluir
  9. Eu descartei a possibilidade de ler esse livro logo de cara. Li O Príncipe dos Canalhas e gostei muito, mas esse possui coisas que me deixariam extremamente irritada. Então sua resenha fez eu ver que não foi algo que me arrependi de fazer.
    bjs, bjs

    ResponderExcluir
  10. Eu ganhei esse livro de presente de natal de uma amiga mas ainda não tive a chance de ler. Comecei Príncipe dos Canalhas, mas também não terminei. Ainda assim, gostei muito da escrita da Loretta.

    laoliphant.com.br

    ResponderExcluir
  11. Que pena que não foi uma leitura muito boa para ti, mas confesso que tenho uma curiosidade enorme por esse livro, logo quero começar o primeiro...

    Abraços e até!

    lendoferozmente.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Quero muito ler algo da Loretta, estou muito curioso sobre os livros dela pois eu já vi várias críticas. Gostei bastante da sua resenha, principalmente por explorar, pela sua visão, um ponto negativo da obra;

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem?
    Gosto bastante de romances de época, com certeza irei gostar deste livro! ótima resenha e ótima dica!

    até mais,
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  14. Oii, tudo bem?
    Eu estou louca para ler o primeiro livro, que acredito ser ótimo, então não tenho dúvidas que esse também seja.

    Beijos

    ResponderExcluir