Por que não experimentar um novo caminho?

19.5.17

 Geralmente quando eu me vejo em meio a um bloqueio criativo onde não consigo desenvolver atividades escolares ou produzir novo conteúdo para o blog, eu procuro inspiração no ambiente à minha volta, na cidade, nos outdoors, nas conversas. A última vez em que eu fiz isto foi esta semana, quando eu estava me perguntando qual seria o tema do próximo post para o blog e decidi então buscar inspiração do lado esquerdo da rua.

 Todos os dias eu faço o mesmo caminho da minha escola até o ponto de ônibus mais próximo. Neste dia eu decidi que, ao invés de virar à direita no final da rua, eu vivaria a esquerda e pegaria o ônibus no ponto anterior, o que me proporcionaria uma nova perspectiva do ambiente pelo qual eu passo todos os dias. E não é que deu certo? Afinal de contas, este post é resultado justamente desta troca de perspectiva.

 Muitas vezes nós nos prendemos à rotina mecânica e temos todos os dias a mesma perspectiva sobre as mesmas coisas, por isto quando fazemos algo que afeta esta perspectiva, por mais simples que seja, acabamos criando e desenvolvendo novas ideias. Todos os dias eu viro à direita no final da rua e dou de cara com uma lanchonete e um ponto sem banco nem cobertura. Ao virar à esquerda eu pude ter uma perspectiva do ambiente que até então se restringia a minha visão de quem vem do início da avenida e entra à esquerda, não podendo assim vivenciar a experiencia que é sair de uma das ruas e virar a esquerda, seguindo pela avenida.

 Para muitos isso pode não passar de uma bobagem, e de fato para algumas pessoas isso pode não ajudar em nada. Mas o que eu quero dizer é que se prender à somente uma coisa pode fazer com que você perca experiencias e oportunidade incríveis. Imaginem que você foi em um restaurante pela primeira vez e pediu um prato que você amou, e a partir daí todas as vezes em que você foi a este restaurante você pediu o mesmo prato. Não podemos negar que este prato é realmente bom, mas se prender a ele faz com que você perca a oportunidade de experimentar outros pratos que podem ser tão bons quanto este.

 Portanto, uma dica que eu tenho para dar a todos aqueles que trabalham com a criatividade ou que dependem dela para realizar alguma tarefa é que se permitam sair da rotina. Se todo dia você acorda às 06:00 e pega o primeiro ônibus que passa no ponto, arrisque acordar às 06:10 e pegar o próximo ônibus. Se todos os dias você faz o mesmo percurso de casa para a faculdade, pegue um dia e mude este percurso. Se você sempre pede o mesmo lanche no McDonalds, da próxima vez que você for se permita pegar algo que você ainda não tenha experimentado.

 A vida é muito curta para vivermos de forma mecânica seguindo o mesmo roteiro dia após dia. 

Também poderá gostar de

0 comentários