O que eu achei do final de Pretty Little Liars?

19.7.17

  Eis que sete anos após sua estréia, Pretty Little Liars finalmente chega ao seu fim, acabando de uma vez por todas com a pergunta que por muitos anos ficou na cabeça de todos os telespectadores: quem é A?


 Post livre de spoilers.

 Primeiramente eu gostaria de dizer que se você, assim como eu, terminou de assistir a série, você é uma pessoa digna de respeito, porque não foi nada fácil aguentar tanta enrolação para concluir uma única história. Tudo bem que foi uma história extremamente complexa do início ao fim? Tudo bem. Mas que ainda sim foi uma enrolação, isso foi.

 A grande questão é: valeu a pena toda essa enrolação? A minha sincera resposta é sim, valeu a pena. Eu não discordo daqueles que dizem que a série poderia ter terminado com apenas três ou quatro temporadas, mas cá entre nós? A gente amou acompanhar cada episódio dessa grande trama.

 Desde o primeiro episódio a pergunta que sempre fica no ar é: quem é A? E chega a ser engraçado, pois ao mesmo tempo que é a pergunta mais feita por todos, é a pergunta mais respondida dentro da série. Quantos A's nós não tivemos ao longo desse enorme suspense? E o mais incrível de tudo é que mesmo respondendo a bendita da pergunta e revelando quem era essa desgraça desse A, essa santa letrinha nunca parou de nos infernizar. Nem a nós e nem as nossas queridas ou odiadas Liars.

 Nessa última temporada o grande vilão decidiu se renovar e dar o ar de sua graça com duas letras ao invés de uma pra mostrar que aquilo que ta ruim pode piorar. Agora o que antes era A, se tornou A.D, que como tudo nessa série, resulta nas iniciais do nome de muita gente. E como que a gente faz pra descobrir quem é? Isso mesmo, a gente simplesmente não descobre.

 Confesso que essa última temporada foi uma das minhas favoritas, e a grande revelação no final me pegou completamente desprevenido. Eu juro para vocês que eu não fazia a menor ideia de que seria aquela pessoa. Para falar a verdade eu nem sabia da existência daquela pessoa. Agora é a hora que vocês pensam como A.D. pode ser uma pessoa que o telespectador sequer sabe que existe? É meus queridos, perguntem isso para quem teve a capacidade de desenvolver um desfecho daquele, porque essa pessoa realmente está de parabéns.

 Foram sete anos de série no ar, muita enrolação, muito drama, muitos romances, muitas mortes, muitos segredos, muitas traições, muitas descobertas, muitos vilões e muita mistério; mas no final eu me dei por satisfeito. Eu estava com muito medo de me decepcionar com o final dessa história que eu acompanhei com tanto gosto, mas felizmente isso não veio a acontecer. Pelo contrário, pela última vez Pretty Little Liars conseguiu me surpreender ao nível de me deixar sem palavras.

                                                                                                                                            - A

Também poderá gostar de

0 comentários